Entenda a diferença entre taxa x tarifa

Taxa x tarifa são duas palavras muito comuns no dia a dia da população brasileira, mas você sabia que elas não são a mesma coisa? Pois é!

Ao contrário do que muita gente pensa, taxa x tarifa possuem uma diferença que, algumas pessoas acabam ignorando e, logo, misturam a duas coisas. Apesar disso, não se preocupe, porquê o nosso time aqui da Casting preparou este artigo para te ajudar a entender melhor essa diferença.

Portanto, se você quer aprender mais sobre os tributos taxa x tarifa, o que são e quais as diferenças entre ambos, continue a leitura deste artigo!

O que são esses termos?

Nós sabemos que o mercado financeiro possui muitos termos que tem significados muito semelhantes e, assim, algumas pessoas ficam confusas. Um bom exemplo disso são os termos taxa x tarifa que aparentam ser a mesma coisa, afinal, ambos simbolizam que você deve pagar algo para alguém. Contudo, esses tributos, na verdade, são aplicados de forma diferente para quem irá realizar o pagamento. Mas não se preocupe, pois agora, nós vamos te explicar o que realmente significam os termos taxa x tarifa e quando você deve pagar cada um desses tributos. Então, vamos lá!

Taxa

A taxa é um tributo instituído pelo Poder Público, ou seja, a União, os Estados, os Municípios e o Distrito Federal. Em outras palavras, quando falamos sobre taxa, nos referimos a um tributo sobre a atividade no âmbito público e não privado.

Além disso, a taxa é um valor fixo que deve ser pago ao Estado para garantir a manutenção de serviços públicos que são essenciais. Por exemplo, em várias cidades do Brasil, as prefeituras costumam cobrar a “taxa do lixo” para custear a coleta do lixo, assim, a qualidade de vida das pessoas será melhor.

Atualmente, existem dois tipos de taxas, a taxa de serviço que se refere a realização de um serviço indivisível e público específico, como o caso citado acima. Ao mesmo tempo, existe a taxa de polícia que se refere ao poder de fiscalização do Estado. Logo, ela é responsável por regular atividades relacionadas à segurança, higiene e etc.

No ramo varejista, existem algumas taxas específicas do setor que os lojistas devem realizar o pagamento regularmente, que são:

  • ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços);
  • IRPJ (Imposto de Renda Pessoa Jurídica);
  • INSS (Instituto Nacional do Seguro Social);
  • PIS (Contribuição para o Programa de Integração Social);
  • Cofins (Contribuição Social sobre o Faturamento das Empresas);
  • CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido).

A cobrança das taxas ocorre mediante o regime tributário da sua loja. Portanto, se você está pensando em abrir um negócio no varejo, escolha o regime tributário que está mais adequado a realidade da sua loja.

Tarifa

Ao contrário da taxa, quando nós falamos em tarifa, nos referimos a um tributo cobrado por questões contratuais e é voluntário. Por exemplo, quando uma rede de varejo celebra um contrato com uma empresa de maquininhas, ela paga uma tarifa aos emissores de cartão de crédito. Talvez você esteja pensando: “mas se eu não pagar a tarifa da maquininha, eu posso ser prejudicado, então, a tarifa não é voluntária! ”. Apesar de compreendermos esse pensamento, essas relações possuem um contrato onde você assina apenas se achar que aquela relação será interessante para o seu negócio. Logo, ainda que a empresa tenha o direito de cobrar o valor que foi acordado pelo contrato, esse documento foi assinado pelas partes por livre e espontânea vontade.

Outra questão importante que define o que é a tarifa é que este tributo é cobrado por serviços essenciais ou não, conforme a sua utilização. Por exemplo, as tarifas de luz ou de água, o valor dessas contas varia de acordo com o consumo da sua loja a cada mês. Isso significa que, nos meses onde o comércio possui uma demanda maior, como a Black Friday, a sua loja poderá pagar um maior valor de tarifa. Isso acontece devido à maior demanda de consumidores que fazem compras no cartão de crédito que impactará nos custos pagos ao adquirente, por exemplo.

Dá para diminuir os gastos com taxa x tarifa?

Até aqui, você aprendeu que a principal diferença entre taxa x tarifa é que um é inerente ao poder público, que é a taxa, pois o seu pagamento é compulsório. Já o outro, a tarifa, se refere a esfera privada e, dessa forma, existe uma liberdade de contratá-las ou não.

Apesar disso, ainda fica o questionamento, dá para diminuir os gastos com taxa x tarifa?

Bem, no caso da taxa, como se trata de um valor fixo vinculado a um órgão público, não é possível alterar esse valor, somente o Poder Público pode fazer isso. Apesar disso, é possível diminuir os gastos que são pagos em tarifas pela sua loja, seja nas tarifas de cartão de crédito, contas de consumo e outras.

Para fazer este processo, você deve analisar quais são as tarifas pagas pela sua loja atualmente e, em seguida, quais são as opções que estejam mais acessíveis para você agora. Por exemplo, se as tarifas que são pagas ao adquirente estão muito altas, você pode buscar outras opções que estão disponíveis no mercado. Além disso, você pode negociar as tarifas com a empresa, a fim de que o valor caiba no seu bolso, assim, você aproveitará melhor o lucro da sua loja.

Conclusão

Agora que você aprendeu as diferenças entre taxa x tarifa, fica mais fácil entender o que, exatamente, está sendo pago. Além disso, você pode analisar as tarifas que a sua loja paga atualmente e, se necessário, fazer um planejamento para pagar o menor valor possível. Assim, você consegue investir em outras áreas e fazer com que a sua loja cresça cada vez mais!

Gostou desse artigo? Então, visite o nosso blog para ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo do varejo e não deixe de nos seguir nas redes sociais. O nosso time está sempre criando conteúdo relevante para ajudar você, lojista, a fazer com que o seu negócio cresça de maneira exponencial!

Compartilhe esse post nas suas redes!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Search
Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Últimos Posts

Newsletter

Increva-se na nossa Newsletter

Galeria